Manual de instruções para esquerda e direita: Como não ser manipulado?

Ladys and Gentlemans, é receita de bolo. Só seguir.
– Ah, mas é muito difícil.
– Claro que é, se não fosse não teríamos tanta gente manipulada.

– Ah, mesmo que eu não seja, meu vizinho, amigo, filho, tio, esposa, marido, colega de trabalho será.
– Problema dele.

– Ah, mas vai rolar muita discussão.
– Pese. Vale a pena a companhia dessa pessoa? Se sim, não discuta, ouça, pergunte se ele quer ouvir outro ponto de vista. Se ele disser sim, fale, se ele começar a interromper com as “verdades” dele, mude de assunto e fale sobre algo que seja um pensamento uníssono entre vocês, algo como passas no arroz, o atacante do seu time ou a certeza que a sua sogra não é uma boa pessoa.

Tá, vamos lá, para não ser manipulado, é importante desenvolver habilidades críticas de pensamento e aprender a analisar as informações de forma objetiva. Isso inclui:

  1. Verificar a fonte: Certifique-se de que a informação vem de uma fonte confiável antes de acreditar nela.
  2. Analisar as intenções: Pense sobre por que alguém poderia querer manipulá-lo e busque informações adicionais para obter uma visão mais completa.
  3. Considere outros pontos de vista: Não se limite a apenas uma perspectiva. Busque fontes e opiniões diferentes para obter uma compreensão mais ampla do assunto.
  4. Seja cético: Desconfie de tudo o que parece muito bom para ser verdade e questione as informações que recebe.
  5. Mantenha-se informado: Mantenha-se atualizado com as últimas notícias e tendências, para que possa identificar manipulações e mentiras.
  6. Converse com outras pessoas: Compartilhe e discuta as informações com outras pessoas para obter uma visão mais ampla e outras perspectivas.

Ouça Podcast: Fakenews! Parasitas Domésticas no Uber de Um Lugar Melhor

Voltamos alegremente para a quinta temporada do Melhor Podcast do Sul do planeta! O pior do brasileiro está de volta para discutir as incongruências tupiniquins! Essa semana, The Good Place, Uber, Fakenews e Domésticas.