«

»

fev 17

Imprimir Post

Ser Pai

IMG_0501Manja aquelas montanhas russas que são no escuro e toda a sensação possível é medo, susto e alívio? Ser pai é mais ou menos assim.

Ser pai é em resumo uma aventura sem fim, de uma hora para outra você se torna espelho de alguém, não importa se você quer, você se torna, gesto são repetidos, palavras são ouvidas e repetidas, atitudes, enfim… ser pai é como criar um clone que você espera que seja melhor que você.

Ser pai é a melhor coisa que pode acontecer para uma pessoa que ama a vida, pois ela se fartará, a cada sorriso, a cada corrida, a cada nova palavra dita, a cada plural bem dito e também com os plurais mal ditos..

– Pai quero dois “nescais”.

Porém, ser pai também é tatear no escuro, é enfrentar algo menor que você e muito mais poderoso, é descobrir como dosar broncas e castigos sem uma receita de bolo ao lado. Brigo? Negocio? Consolo? Isolo? Grito?

Não há respostas certas, ou melhor, e este é o problema, há respostas certas demais, todos tem uma opinião para dar, há especialistas em cada detalhe da criação e a sensação que fica é que aquilo que é dito, pode dar certo com qualquer um, menos para você.

Ser pai é ficar bravo quando a sua cama é invadida nas madrugadas da vida por um ser com menos de um metro e meio mas que parece tomar espaço do gigante do pé de feijão, e também é ficar frustrado quando esse mesmo serzinho não vem até você pedindo aquele abraço carinhoso.

Ser pai é uma aventura, cheio de mocinhos, princesas e castelos que precisam de proteção. É entender que cada um tem o seu jeito diferente de enfrentar cada situação, mas também cada um é absolutamente igual no medo que sente na doença, no silencio, na queda, no choro, na febre, no vômito, no joelho raspado, na falta de apetite, na sobra de apetite.

Ser pai é bom demais, na idade certa, no tempo certo, recomendo! Mas a pergunta que se faz é a mesma tendo seu filho 1 ou 50 anos:

Ser pai, como ser?

 

Link permanente para este artigo: http://www.blogdoediney.com.br/ser-pai/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>