«

»

maio 26

Imprimir Post

Algumas das certezas da vida: o erro

Shit+Happens.+Extremely+unlucky+convict.+Another+caricature+from+the+newspaper_a900b8_3128236Há erros na vida que cometemos e simplesmente não entendemos como pudemos ser tão imbecis. E se eu tivesse feito isso diferente, e se tivesse feito aquilo? Não importa mais, já foi, já era, é história. O melhor que você pode fazer é transformar esta história em um aprendizado, algo para não se fazer mais. Mas, e sempre tem o “mas”, fatalmente você irá cometer erros novos.

Isso não é necessariamente uma má notícia, pode ser até mesmo uma ótima notícia, afinal, aquele erro ficou para trás e desde então você criou algo novo, inovou, buscou. Os erros fazem parte do nosso dia a dia. Prefiro os que erram pela ousadia dos que pecam pelo inércia.

Porém um erro sempre vem com suas conseqüências, e fatalmente ela será má. A um preço a se pagar pelo erro, há um tributo a ser mencionado no seu currículo, o pagamento só depende de se combinar o preço, que ele acontecerá é certo.

O que fazer? Como punir? Com qual chicote? Com que força? Varia?

Perguntas difíceis de se responder, mas neste caso mais que o fato isolado, o legado da pessoa fala por ela. Leve em conta que todos em maior ou menor gravidade iremos errar, então o passado, o trabalho, quanto ela dá ou deu pela empresa, pela família, pelo relacionamento será seu advogado.

Não há outra maneira de se medir essa força. Não há outro modo de se buscar a justiça.

Justiça?

Virtude que consiste em dar ou deixar a cada um o que por direito lhe pertence.

Será?

Em uma empresa por exemplo, a justiça pode até se fazer presente na relação patrão X empregado, mas dificilmente na relação cliente X empresa, aqui vale a lei do dinheiro. A lei do mais forte. Quem pode manda, quem tem juízo obedece. Assim é a justiça nesta relação. Não importa quão bom ou ruim tenha sido o seu trabalho, aqui falamos de algo maior. Falamos de dinheiro, que no final das contas, neste quesito é o que realmente interessa.

Então, se eu puder dar uma dica, ok, pode ser petulância minha das dicas ou conselhos, este seria:

Relaxe.

Cerque-se, é claro, de todos os meios possíveis para evitar que o erro ocorra. Tenha processos válidos. Tenha informações clara. Cheque as informações claras, mas se acontecer, e irá, relaxe. Busque ao máximo minimizar ou consertar o erro, não vai mudar o fato que você errou, mas irá demonstrar que você é humano e como tal tem a desculpa suprema: errar é humano.

Link permanente para este artigo: https://www.blogdoediney.com.br/algumas-das-certezas-da-vida-o-erro/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>