«

»

jul 07

Imprimir Post

Devo aceitar ou ficar em um trabalho só pelo dinheiro?

Resposta esperada: SIM. Resposta pronta: Não. Resposta certa: você quem sabe.

Cada um de nós sabe exatamente onde aperta nosso sapato, cada um de nós sabe o que acontece quando chega o final do mês e não há dinheiro em casa, quando a conta está estourada ou em tempos de Whats o seu telefone não para de tocar com cobradores na sua cola. Mas, e sempre tem o bendito “mas”, estamos falando de vida, de futuro.

Diz o velho ditado, com procedência indefinida:

Trabalhe em algo que ama e não trabalhará um só dia na sua vida.

Será? Trabalhar em algo que amo me trará a garantia que não terei ninguém nesse trabalho querendo puxar o tapete? Não terei as pressões normais por metas que afetam o mundo corporativo dia a dia? Não seremos obrigados a aguentar chefes, patrões, semi-deuses que só fazem transformar o trabalho em algo penoso? Sério?

Sabemos que não é verdade. Não importa o que você faça, não importa quanto você ame ou tenha se esforçado para alcançar sua colocação, sempre haverão dias bons e dias ruins. Compare com um casamento. Não importa quanto vocês se amem, haverá discordância, haverá quebra-pau, normal.

Agora, ainda comparando com relacionamentos, a história é conhecida: não tinham nada em comum, mal se conheciam, mas por alguma trama do destino começaram a se encontrar, compartilhar tempo e de repente, assim, como quem não quer nada, surgiu uma amizade profunda, que virou namoro, que virou cumplicidade, que virou amor, que virou paixão. Já ouviu histórias assim, não?

Agora, pensa, se você nunca trabalhar em algo fora da sua zona de conforto jamais terá a oportunidade de se apaixonar por algo diferente. Jamais poderá namorar um novo modo de fazer as coisas. Quem sabe você seja muito bom em algo, mas a convivência com o pai que é médico, com a mãe que é dentista ou com o irmão mais velho que está estudando medicina fecha seus olhos para o verdadeiro talento. Quem sabe?!

Então, respondendo a pergunta que abre esse texto: Não.

Mas você deve sim, aceitar trabalhar em algo fora do que normalmente procura pelo desafio, pela vida, por tudo o que pode trazer de bom para você, e sim, você pode usar o dinheiro sem culpa.
Isso não quer dizer que você deva abandonar seus sonhos, mas quem sabe, usando esse outro trabalho como uma estrada para chegar até lá, você não encontra outro no meio do caminho. Partiu caminhar?!

Link permanente para este artigo: http://www.blogdoediney.com.br/devo-aceitar-ou-ficar-em-um-trabalho-so-pelo-dinheiro/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>